O ano do pão de queijo: a melhor temporada do esporte mineiro

Por Rodolfo Rodrigues

bandeira de MG

Estádios, ginásios, piscinas, mar. Qualquer que seja o palco, o esporte mineiro foi bem representado em 2013. O ano ainda não acabou, outras vitórias ainda podem acontecer, mas já é possível dizer que este é o melhor ano do esporte mineiro na história. Conquistas inéditas, outras repetidas, mas não menos importantes, e o estado sempre falado nos quatro cantos do Brasil e do mundo.

É sempre complicado citar nomes e conquistas, por correr o risco de passar batido em algum nome, ou pecar por falta de conhecimento de grandes marcas em esportes não muito divulgados. De antemão, já me desculpo se faltou alguém na lista de conquistas de atletas e/ou clubes mineiros, fora das nossas fronteiras.

Atlético campeão da Libertadores, Cruzeiro campeão do Brasileirão, Sada Cruzeiro campeão Mundial de vôlei, equipe de natação do Minas Tênis Clube campeã do Troféu Maria Lenk.

Poliana Okimoto, atleta do Minas, conquistou três medalhas na Maratona Aquática, no Mundial de Esportes Aquáticos, em Barcelona, na Espanha. Além disso, a minastenista foi eleita pela renomada revista americana Swimming World como a melhor nadadora de águas abertas do mundo em 2013.

Tupi conseguiu o acesso à série C do Brasileiro. Os tenistas Bruno Soares e Marcelo Melo, cada um com seu parceiro, estão entre as melhores duplas de tênis do mundo. Ambos obtiveram marcas importantes nesta temporada.

Mesmo outros atletas e equipes que não tiveram conquistas tão marcantes conseguiram várias marcas, dentro da possibilidade de cada um.

Definitivamente, 2013 foi um ano mais do que especial para o esporte mineiro. Tudo isto sem um apoio de verdade em alguns casos, imagina se tivéssemos em Minas Gerais o mesmo investimento que as equipes das mais diversas modalidades possuem no estado de São Paulo?

Precisamos exaltar e celebrar os atletas que representam nosso estado. Claro que rivalidade existe e quando saudável é louvável, mas algumas picuinhas precisam ser deixadas de lado neste momento, uma trégua para comemorar e parabenizar nossos campeões.

Minas Gerais é o estado mais vitorioso do Brasil neste ano, se outros não reconhecem, cabe a nós mineiros exaltarmos e darmos os devidos méritos a todos que merecem.

Um estado acolhedor, com povo trabalhador e que apesar de todos os percalços da vida, nunca perde a humildade e a vontade de vencer.

“Oh, Minas Gerais! Oh, Minas Gerais! Quem te conhece não esquece jamais
Oh, Minas Gerais!”

 

P.S “Pra não dizer só que falei em flores”, uma pessoa ligada ao esporte fez um papelão e deixou todos nós mineiros envergonhados. O árbitro Alício Pena Júnior, que além de ser fraco no que faz, tentou coibir o protesto pacífico dos jogadores de São Paulo e Flamengo, no Campeonato Brasileiro.

 

Anúncios

Sobre palpitandoocotidiano

Sou jornalista, com pós em empreendedorismo e marketing.
Esse post foi publicado em Esporte. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s